Product was successfully added to your shopping cart.

Fitoterapia

Estrutura curricular

Oferecer-se-á o curso de Pós-graduação Lato Sensu em Fitoterapia com duração de, aproximadamente, 12 meses.

Metodologia de Avaliação

Constituir-se-á de trabalhos elaborados durante o desenvolvimento das disciplinas, com auxílio dos professores, de participação nos fóruns de discussão, de memorial acadêmico e de prova presencial, conforme determinação legal. A disciplina de Metodologia da Pesquisa e da Produção Científica, componente do módulo básico, não será objeto de prova e, sim, de trabalhos. As demais serão avaliadas por trabalhos e por prova presencial. Os trabalhos valerão 40% do total da nota e a prova presencial, 60%.
Para a obtenção do título, o aluno deverá apresentar aproveitamento igual ou superior a 70%, em todas as disciplinas do curso, incluindo atividades à distância e provas presenciais, assim como no trabalho de conclusão de curso - TCC.
As atividades avaliativas objetivam duas ações principais:
a) Favorecer o processo de aprendizagem do cursista, por meio de atividades reflexivas e analíticas.
b) Fornecer subsídios para o tutor avaliar o desenvolvimento do cursista nas disciplinas e a adequação aos objetivos propostos para a formação do curso.
As atividades sugeridas no decorrer das unidades das disciplinas devem ser realizadas pelo aluno, para compor seu diário de formação. Para realizar essas atividades, o cursista poderá consultar os livros indicados na bibliografia da disciplina, artigos em meio eletrônico ou outras produções acadêmicas de seu conhecimento que versem sobre o assunto em questão, assim como relatar experiências e vivências profissionais.
As atividades das disciplinas do módulo básico, juntamente com as atividades das disciplinas do módulo específico, comporão um único material a partir do qual o aluno desenvolverá sua pesquisa acadêmica, em relação aos assuntos pertinentes ao curso.

Objetivo

Favorecer a formação crítica e criativa do aluno pós-graduando, destacando seu papel profissional na área da saúde;
Desenvolver atividades de pesquisa em Fitoterapia, apresentando autonomia intelectual e espírito investigativo;
Exercitar normas científicas na elaboração de trabalhos acadêmicos tais como: projeto de pesquisa, artigo acadêmico, monografia, entre outros;
Aprofundar os conhecimentos sobre o tema a partir das diversas concepções, conhecendo a legislação vigente e as formas de utilização permitidas para cada profissional da saúde.
Ampliar a compreensão de concepções acerca do uso de fitoterápicos e refletir sobre as respectivas implicações à saúde e riscos associados.